Um Deus que Ama Leitores

Um Deus que Ama Leitores

Por Box95 | Um Clube de Assinaturas Cristão!      11/12/2019 11:15:01    
Então Filipe correu para a carruagem, ouviu o homem lendo o profeta Isaías e lhe perguntou: “O senhor entende o que está lendo?” (Atos 6.30)

Para todos os que se interessam por conhecimento e leitura, a pergunta de Filipe ao eunuco ressoa: o que lês?
Não sabemos ao certo como o eunuco conheceu a tradição judaica, decidiu adorar a Deus em Jerusalém, nem como conseguiu um rolo do livro de Isaías mas estava ele: livro aberto, desejo de compreender, e uma dúvida persistente no seu coração.

É curioso perceber a graça de Deus abrindo os olhos de um leitor. Com a ajuda de Filipe, o texto lido ganhou vida por meio do evangelho, e assim se entregou completamente a fonte da verdadeira sabedoria e redenção. Regenerado e convicto, aquele etíope foi batizado e seguiu seu curso, não mais aparecendo na narrativa bíblica. Aquilo se iniciou com uma leitura, acabou por transforma-lo em um homem completamente diferente.

Como leitor da Box, você já possui uma relação especial com a leitura. Nós fazemos parte de uma minoria na cultura brasileira que compra e lê livros. Mas isso não nos impede de experimentar frustrações diversas enquanto lemos.

Alguns de nós – provavelmente a maioria – gostariam de ler muito mais do que conseguem. Alguns gostariam de entender melhor certos autores. Há quem tenha dificuldade em escolher livros para ler, e há aqueles que começam várias leituras, mas não terminam nenhuma. A caminhada na vida de leitor pode ser bem desgastante.
Mas nessa caminhada, como em todas as áreas de nosso discipulado, é necessário ajustar o coração e as mãos, trabalhar as motivações internas e considerar métodos e técnicas externas que nos ajudarão a glorificar a Deus adequadamente com a leitura.



Tomemos a dimensão interna, por exemplo. É possível alguém se dedicar à vida de leitura por motivações pecaminosas. Imagine um jovem cujos amigos “Rookmaaker” e fazem piadas pelo fato de ele ainda não ter lido. Ele compra todos os livros do holandês e parte para uma leitura e estudos ávidos. O que o move? Talvez não seja o desejo de honrar a Deus e expandir o seu horizonte de compreensão da realidade; talvez seja o temor de homens, o desejo de ser respeitado e aceito por seu grupo.
Uma moça pode experimentar profunda frustração em sua caminhada como leitora, por assumir expectativas irreais quanto a sua condição: ela se comparar com um “acadêmico profissional”, que tem como trabalho passar o dia debruçado sobre livros, enquanto ela passa o dia no esforço como fisioterapeuta e só consegue algum tempo no fim do dia para ler. Parte fundamental na luta dessa moça está em encontrar contentamento diante de seu chamado e seu momento da vida. Comparar-se e ficar ressentindo é uma das maneiras de dizer para Deus que nosso plano é melhor do que o Dele. Ajustar as expectativas e ter um coração contente nos livrará de transformar a leitura em uma luta por justificação pessoal (Redenção).

Com o coração no lugar, podemos pensar em métodos e técnicas para melhorar a nossa leitura. Vocês receberão poderosos insights na Box95 e eu quero encoraja-los a colocar em prática e exercitar. Eu mesmo tenho sido abençoado por tais dicas. O ponto é que a leitura demanda intencionalidade: um compromisso pessoal de se engajar sabiamente na prática da leitura. No fim das contas, todos somos forasteiros com um texto estranho nas mãos, tentando entender, até que a Fonte de toda sabedoria abra nossos olhos e nos transforme. Como é bom saber que temos um Deus que ama leitores.

por Allen Porto

Comente

2016 - Box95 - Todos os Direitos Reservados

Plataforma para clubes: Plataforma para Clube de Assinaturas